Stuttgart (Alemanha), e seu mausoléu romântico!

E para animar esse comecinho de feriado delícia, vamos de mais “Por que Alemanha?”! Uhu! Pra quem ainda não sabe, minha querida amiga Chris Rogatto mora no país com a família e, toda semana, escreve pra gente aqui um post sobre algum lugar diferente. Tem tanta coisa bacana já! Clica AQUI pra ver o que já foi escrito!

E o post de hoje fala sobre a região de Stuttgart e seu mausoléu romântico (se é que isso é possível!), que o rei mandou construir para sua rainha que faleceu precocemente como prova de amor eterno. Ounnnnn S2 que fofo! Vamos ver como foi isso?

Por que Alemanha? - Stuttgart

“Stuttgart, distrito de Rotenberg, em Baden Württemberg, possui 719 habitantes e fica a 11 Km de Stuttgart.

Hoje escrevo com um especial prazer, pois vou falar de um dos meus destinos prediletos para passear e relaxar em meio a linda paisagem, parte obrigatória de meu roteiro básico para levar visitas que queiram conhecer a região de Stuttgart : Rotenberg e a Grabkapelle !

Hoje vamos falar de amor!!

A aldeia Rotenberg (anteriormente “Red Mountain”) foi mencionada pela primeira vez em 1248. Por séculos o castelo fortificado Wirtemberg, a sede da família Württemberg, moldou a paisagem entre a cidade imperial de Esslingen am Neckar e a cidade de Stuttgart, antes de ter sido completamente removido por decisão do então Rei Guilherme I para dar lugar a construção de um mausoléu, já que a localização é uma das mais lindas na cidade.

E é neste local que hoje encontramos o magnífico e – creia -, romântico, mausoléu, o Grabkapelle. Vamos lá conhecer esta linda história de amor….                

Stuttgart - Dizeres da placa do mausoléu

Dizeres na entrada do mausoléu : “Que o amor nunca termine”

O mausoléu foi construído pelo Rei Guilherme I, como prova de seu amor eterno, para sua segunda falecida esposa, e filha de Czar, Catherine Pavlovna que morreu muito jovem (1788-1819), somente três anos após seu casamento e pela qual ele foi totalmente apaixonado (eles eram primos!).

Sua construção ocorreu após a morte da rainha Catherine entre 1820-1824 e foi projetada pelo mestre construtor, nascido italiano – em Florença, Giovanni Salucci, exatamente no local do antigo castelo Wirtemberg. Sua construção é um magnífico exemplo de classicismo, tendo sido totalmente inspirada no Pantheom, localizado em Roma. Obra magnífica!

Stuttgart - mausoléu

Vale ressaltar que esta obra teve início concreto após doação de verba pela população, já que a Rainha era muito admirada por todos na região.

Dentro da capela, que tem cerca de 20 metros de altura e um diâmetro cerca de 24 metros, encontram-se colossais estátuas dos quatro evangelistas, que estão colocadas em nichos na parede. Tanto estas estátuas como as que estão nos dois sarcófagos foram esculpidas em mármore de Carrara.

Curioso é que abaixo da capela encontra-se uma moradia, que também foi projetada e construída por Salucci. Ela servia de morada para dois cantores e um religioso, que tinham a incumbência de rezar e cantar hinos rotineiramente para a amada, ali sepultada.

Stuttgart - mausoléu 2

No conhecido “monumento ao amor eterno”, onde tudo nos remete ao romance, inclusive sua paisagem, cercada por vinhedos que no outono se parecem com imagens de algum sonho bom, devido a coloração intensa de suas folhas e a imagem do pequeno vilarejo que é envolvido pelas plantações. Ambiente ideal para plantações de uvas e consequente excelente qualidade de seus vinhos.

O Rei Guilherme I e suas filha Marie Friederike Charlotte de Württemberg (1816-1887) também estão enterrados ali.

No período de 1825-1899, a capela serviu como uma igreja ortodoxa russa, religião que a Rainha Catherine professava. Ainda hoje, todo o ano em Pentecostes ocorre ali tradicionalmente culto da igreja ortodoxa russa, em memória a Rainha. Eu tive a enorme surpresa e privilégio de, em 2013, presenciar este culto, cerimônia muito tradicional, pessoas trajando roupas típicas, muitas crianças, coros e religiosos presentes, experiência inesquecível em um lugar magnífico.

Stuttgart - paisagem

Muitos amantes julgam ser este o local mais romântico da região – com uma vista magnífica sobre o Neckar, perto de Stuttgart. Eu concordo plenamente com eles.

Um passeio pelos vinhedos que rodeiam o mausoléu, a vista maravilhosa no vale do Neckar e no final quem sabe degustar uma taça de vinho – o programa perfeito para conhecer este romântico monumento que nos conta sobre o amor deste casal de reis.

>> Por que Alemanha?

– Porque o vinho alemão tem excelente qualidade e tradição, os vinhedos aqui são os mais setentrionais do mundo, algo nas latitudes 49 e 51, bem acima, por exemplo, dos vinhedos onde se produzem o Champagne, na França. O frio e as características do sol tem forte influência na sua qualidade.”

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *