Tudo sobre a Catedral de Speyer, na Alemanha!

Quem aqui adora conhecer catedrais e igrejas antigas? \o/ Esse post é pra você! Essa semana, a Chris Rogatto, colunista querida do “Por que Alemanha?” traz pra gente um pouquinho sobre a cidade de Speyer e sua catedral, Patrimônio Mundial da UNESCO e considerada a maior igreja romântica preservada do mundo! Nada fraca, hein?

Chega de conversa e vamos conhecer a tal Catedral de Speyer!

** Para ver todos os posts da série “Por que Alemanha?”, clique AQUI! Tem muita coisa linda!

Por que Alemanha - Catedral de Speyer

“Alemanha

Speyer em Rheinland-Pfalz

Speyer, você alguma vez já ouviu falar desta cidade?? Para mim foi mais uma feliz experiência conhecê-la. Pequena, porém tão diferente de todas as outras cidades alemãs antigas que já conheci, pois sua rua principal, a Maximiliansstrasse, que nos leva da catedral até a prefeitura, é muito larga e iluminada e não é difícil imaginarmos que por ali andaram também soldados romanos e imperadores medievais. A arquitetura e história de suas lindas e preservadíssimas construções são um presente para nossos sentidos!

Catedral de Speyer - Cidade

Catedral de Speyer - DesenhoSpeyer é uma cidade histórica e culturalmente muito importante no Alto Reno. Fundada pelos romanos, então denominada Noviomagus ou Civitas Nemetum, é uma das cidades mais antigas da Alemanha. Ela possui diversas facetas turísticas, lindos parques, ciclovias maravilhosas, um museu impar de tecnologia, mas entre tantos aspectos, optei em hoje apresentar para vocês a Catedral de Speyer, que é a maior igreja românica preservada do mundo (construída aproximadamente entre 1030 e 1124) e desde 1981 é um Patrimônio Mundial da UNESCO.

Eu fiquei mais impressionada ao tomar conhecimento das explicações teológicas, que me auxiliaram a compreender antes de tudo, a mensagem religiosa do edifício. Assim sendo, vamos mergulhar um pouco neste universo religioso!

Catedral de Speyer - A Catedral

Catedral de Speyer

A catedral propõe ser uma representação da Cidade Santa de Deus, e apresenta três portais para o lado ocidental, igual ao descrito por João no texto de Apocalipse, sobre a Jerusalém Celeste.

Sobre o portal central abre-se uma rosácea circular como símbolo Divino. No centro da rosácea como centro da criação e meta de nossa vida, encontra-se Jesus Cristo. A rosácea é emoldurada por um quadro – símbolo da Terra.

Catedral de Speyer - Interior

Enquanto o átrio dispõe de três entradas, chega-se ao interior da catedral por uma só. Este portal é como a porta estreita do céu. Este portal impressiona pelo fato de ser feito através de uma parede de sete metros, em degraus, sendo ainda o lugar mais estreito desta parede.

Passando pela porta estreita, abre-se então uma vista imponente da nave central da igreja, que possui só um coro, ao contrário de outras catedrais, pois o edifício deve levar o peregrino somente para frente, ao encontro da luz.

Catedral de Speyer - Interior 2

Em sua nave central percebemos que a mesma é dividida em doze arcos. A igreja é fundada nos alicerces dos doze Apóstolos. Olhando para cima podemos ver sempre dois arcos unidos e abobados. Assim originam-se sobre a nave central seis grandes acoplamentos – na Idade Média símbolo do céu. Indicam o decorrer dos seis dias da Criação, ou melhor, o tempo terrestre.

Catedral de Speyer - Estátua de Maria

Uma alta estátua de Maria recebe o peregrino na entrada do coro.

A cripta

A cripta é a parte mais antiga da catedral. Seu estilo, as cores das pedras, como também a luz fraca nos convidam ao silêncio.

Na cripta é possível hoje visitar as sepulturas dos imperadores e reis das estirpes “Salier”, “Staufen”e “Habsburger”. Desde o princípio a catedral foi destinada como jazigo dos soberanos que tinham forte convicção que exerciam seus reinados em nome e por ordem de Jesus Cristo.

Catedral de Speyer - Cripta

Os jazigos dos imperadores lembram aos peregrinos a seriedade profunda com a qual estes soberanos exerceram seu poder. Eles consideravam que sua responsabilidade não foi só dado pelos homens, mas também por Deus. A função do poder na terra somente é abençoada quando se orienta em Deus e em seus mandamentos. Esta é a mensagem que parte da cripta dos imperadores. A coroa de dimensão extrema, cópia da coroa funerárias do imperador Konrado II, na nave da catedral, indica a posição dos túmulos dos imperadores.

Catedral de Speyer - Arcos

Para você sentir melhor o que é esta catedral, e tomar conhecimento sobre outros aspectos desta construção, aconselho você assistir a este curto filme feito pela UNESCO:

Uma interessante curiosidade – o Brezel

Quem pensa que a rosquinha salgada típica alemã nasceu na Baviera está errado. Pelo menos, é o que os moradores de Speyer dizem. Para confirmar a autenticidade da informação, os turistas mais observadores podem ver no pórtico principal da catedral um anjo que segura em uma das mãos – um brezel! 

Catedral de Speyer - Brezel

O brezel tem seu nome originado a partir de sua forma, que lembra dois braços em posição de oração (bracellum, em latim, significa pequenos braços). A tradição é tão grande que todo o ano, Speyer realiza a Brezelfest, no segundo fim de semana de julho (mais informações, clique AQUI).

Uma homenagem ao companheiro indispensável da cerveja.

Catedral de Speyer - Cerveja com o marido!

>> Por que Alemanha?

– Porque na Alemanha encontramos curiosidades infinitas que a preservação da história nos proporciona. Por exemplo, no “Historisches Museum der Pfalz” a garrafa de vinho mais antiga do mundo pode ser vista. Foi achada na cidade de Speyer, dentro de um sarcófago de dois romanos e datada em 325 d.c.”

One thought on “Tudo sobre a Catedral de Speyer, na Alemanha!

  1. Pingback: Bate-volta: Speyer – Darmstadt para Brasileiros

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *