Category Archives: Copa do Mundo

Penúltima parada da Copa: Colômbia

Mais um país para completar a nossa lista daqueles que jogaram contra o Brasil nessa Copa do Mundo: Colômbia! E aí você deve estar pensando “tá, mas o que falar da Colômbia?”. Pois é, caros amigos da Rede Globo, engana-se redondamente quem pensa que o país não tem nada de muito relevante para se falar em um blog de viagens. Porque tem.

Colômbia - BandeiraEscolhi duas atrações super curiosas e interessantíssimas para se ver na Colômbia, ambas pertinho da capital Bogotá. Quer ver?

Catedral de Sal

Localizada na cidade de Zipaquirá, a apenas 50 Km da capital, existe uma Catedral feita de Sal 180 metros abaixo da terra. Sim. Por mais estranho que pareça, é exatamente isso. Uma catedral subterrânea construída com sal. Sal mesmo! De verdade! Na verdade, a tal Catedral tem uma grande importância religiosa, já que faz parte de uma via-sacra que representa o caminho percorrido por Jesus Cristo e conta com várias representações também construídas com sal pelo percurso.

Antigamente, funcionava uma mina de escavação de sal, e antigos mineiros resolveram dar uma utilidade mais interessante para o produto: construíram uma Catedral para homenagear sua padroeira, a Virgem de Guasá. Essa mina surgiu graças à evaporação do mar que havia ali milhões de anos atrás.

Colômbia - Catedral de Sal 1

Colômbia - Catedral de Sal 2

Colômbia - Catedral de Sal 3Em uma votação realizada na Colômbia, a Catedral de Sal foi eleita como a primeira maravilha do país e é um dos principais pontos turísticos. Não é para menos, né?

Lagoa de Guatavita

Esse é um lugar um tanto quanto místico. Há cerca de 1 hora de Bogotá, fica a Lagoa de Guatavita, que atrais centenas de turistas não só pelas suas águas cor de esmeralda, mas pela famosa lenda de El Dorado. De acordo com essa lenda, a tribo indígena muisca, que vivia na região séculos atrás, tinha como ritual jogar peças feitas de ouro na Lagoa em adoração a Chie, deusa da água. O cacique recolhia essas peças e, sendo o único que tinha autorização para isso, ia com uma balsa de madeira até a parte mais funda da Lagoa e, banhado em ouro, lançava as tais peças na água.

Na ápoca da colonização, essa lenda rapidamente se espalhou entre os espanhóis e eles não perderam tempo em tentar secar a Lagoa (!!) e retirar o máximo de ouro que conseguissem. Depois de muita exploração, só foram embora porque acabaram-se seus recursos para realizar tal feito. Mas até aí, grande parte do tesouro já havia sido roubado.

Colômbia - Lagoa de Guatavita 1

Colômbia - Lagoa de Guatavita 2

Colômbia - Lagoa de Guatavita 3Hoje, a Lagoa é protegida e aberta para visitação e se tornou um importante posto turístico do país, já que retrata a História dos colombianos.

_____

Super interessante, né? Quantas culturas diferentes, quantas Histórias, quantos tesouros! Vale muito a pena conhecer, se você tiver oportunidade. Mesmo se você for fazer uma escala em Bogotá, por exemplo, dá para tirar algumas horas e visitar um desses lugares incríveis. Aproveite!!

Bjos,

Depois de um jogo sofriiiido… Chile!

Brasil x Chile. Que jogo foi esse, peloamor?! Decisão nos pênaltis em Copa do Mundo deveria ser proibido!! Quase infartei! Tenho uma aflição de pênalti… hahaha Graças à Deus, foi só uma emoção a mais e acabou dando tudo certo. E que venha a Colômbia! o/

Chile - BandeiraComo já é de praxe por aqui, vamos então falar um pouquinho mais sobre o país que jogou contra nossa seleção na semana passada, o Chile. O intuito, mais uma vez, não é dar uma de Wikipedia ou relatar o que todo o mundo já sabe. Tenho certeza que falou em Chile, pensou em Santiago, Valparaíso e Deserto do Atacama, certo? Sem dúvida, são lugares liiiiindos e imperdíveis, mas a ideia aqui é abordar lugares um pouco diferentes do já populares por aí. Nenhuma descoberta sensacional ou furo de reportagem, veja bem, hehehe, apenas locais que não são tão comumente falados.

Coincidentemente (ou não, HÁ!), os dois lugares mostrados nesse post são parques nacionais. O primeiro, Parque Nacional Lauca, fica no extremo norte do país. O segundo, Parque Nacional Torres del Paine, no extremo sul. Vamos lá?

Parque Nacional Lauca

Localizado em plena Cordilheira dos Andes na divisa com a Bolívia, o Parque pertence à Rede Mundial de Reservas da Biosfera. Lhamas, alpacas, flamingos e outras 130 espécies de aves povoam a região. Esses são, basicamente, os únicos habitantes do parque, já que pouquíssimos seres humanos vivem por lá hoje em dia. Entretanto, há diversas cavernas que já habitaram homens há mais de 10 mil anos.

Chile - Parque Nacional Lauca 3O Parque fica a mais de 4.500 m de altitude e possui uma área que se estende por cerca de 137 mil hectares. Os principais pontos de interesse de que visita o território são o Lago Chungará, com 22 Km² de superfície e mais de 30 m de profundidade (um dos mais altos do mundo!!), e os vulcões Parinacota (6.342 m de altitude e o ponto mais alto do Parque) e Pomerape (6.282 m).

Realmente, é um cenário espetacular. As águas do Lago refletem a imagem dos vulcões cheios de neve. Para completar, tem umas vegetações meio esquisitas e bem rasteiras que crescem nas pedras e formam um grande tapete verde. Olha só que lindo!!

Chile - Parque Nacional Lauca 1

Chile - Parque Nacional Lauca 2

Chile - Parque Nacional Lauca 4

Chile - Parque Nacional Lauca 5

Parque Nacional Torres del Paine

Pulando diretamente para o sul da patagônia chilena, encontramos outro parque, o Torres del Paine, declarado Reserva da Biosfera pela UNESCO. Com seus mais de 242 mil hectares de área, ele abriga uma infinidade de vida animal e vegetal, e possui diversas trilhas, rotas e acampamentos para que os turistas possam ver de perto as principais atrações. Para os aventureiros, atividades não vão faltar. Além das longas caminhadas pelo parque, é possível fazer escalada, rafting, caiaque e outras coisitas mais.

Chile - Parque Nacional Torres del Paine 1O Parque tem várias atrações muito especiais, como Los Cuernos, Las Torres, Glaciar e Lago Grey, Cachoeira do Salto Grande e muito mais. Para quem gosta de natureza, aventura e apreciar belíssimas imagens, esse é um passeio imperdível! No parque, existem campings com toda uma infra-estrutura para receber aqueles que se embrenham em trilhas de vários dias. Cama, fogão à lenha, piso de madeira. Tudo para garantir o conforto e a segurança de quem passa por lá. Um sonho!

Mas como uma imagem vale mais do que mil palavras, vamos ver as fotos? Acho que não precisa explicar mais nada!

Chile - Parque Nacional Torres del Paine 2

Chile - Parque Nacional Torres del Paine 3

Chile - Parque Nacional Torres del Paine 4______

E aí, gostaram? Muito interessante, né? Tô doida pra arrumar começar a organizar uma viagem para o Chile, mas tem que ser longa para poder conhecer tudo o que o país tem de melhor 🙂

 

Bjos!

 

E a Copa continua! Próxima parada: Camarões

E já está quase chegando o próximo jogo do Brasil na Copa e ainda não falamos de Camarões. Ai ai ai. Tá errado isso aí, produção! rsrs Nada como um feriado prologando emendado em uma semana de TPM’s e enxaquecas para atrapalhar a programação! Mas estamos de volta e já vamos tirando o atraso.

Camarões. Bem difícil falar sobre Camarões, não? De modo geral, é um país que sabemos muito pouco à respeito. Hum… Fica na África. Ok, já é um bom começo. Mas duvido que você saiba que as línguas oficiais do país são Inglês e Francês (uhum! Chique!) e que, além delas, existem outras 200 línguas e dialetos diferentes? Pois é. Foram muitas divisões, junções, separações e etc na época de colônia. Aí dá nessa miscelânea toda!

Camarões - Bandeira

Mas a diversidade e variedade não está só na maneira de se comunicar. Camarões é tido como uma “África em miniatura”, já que possui um pouco de tudo o que é característico do continente em termos de paisagem: floresta tropical, praias, desertos, savanas, montanhas.

Só para ter uma ideia dos lugares mais legais de Camarões… Vamos ver?

Monte Camarões

É o ponto mais alto do país, com mais de 4.000 metros de altitude. Ainda por cima, é um vulcão ativo. Sua última atividade foi em 2000, ou seja, bastante recente quando se trata de questões geológicas! Lá é um excelente lugar para se fazer trilhas e montanhismo. Dá para escalar um dos lados da montanha, inclusive.

Camarões - Monte Camarões 1

Camarões - Monte Camarões 2

Parque Nacional Waza

Ir para a África e não fazer um safárizinho sequer não dá, né? O Parque Nacional Waza é ideal para isso. Considerado uma reserva da Biosfera pela UNESCO, o parque tem cerca 1.700 Km² de extensão e abriga uma fauna incrível: girafas, elefantes, leões, aves (muitas delas, by the way! Mais de 400 espécies!).

Camarões - Parque Nacional Waza 1

Camarões - Parque Nacional Waza 2

Balneário de Kribi

Mas não é só de safári que se faz o país, como já mencionei lá em cima. Para quem curte uma praia com belíssimas paisagens e uma boa infra-estrutura, não pode deixar de passar uns dias no Balneário de Kribi. É bastante procurado pela high society africana aos finais de semana, super point do momento da região!

Camarões - Balneário de Kribi 1Camarões - Balneário de Kribi 2

Tudo lindo, né? Mas é difícil até de encontrar informações e, principalmente, imagens, de Camarões. É proibido tirar fotos de edifícios governamentais e pontos turísticos, acredita? Se arriscar, você corre o risco de ter sua máquina confiscada. Tenso, né? O ruim é que isso não ajuda em nada na divulgação do país e de seus atrativos para visitantes, o que poderia alavancar o turismo na região.

E aí? Curtiram? Quem se anima?

Bjos!!

 

Conhecendo as maravilhas da Croácia

E já que só se fala de Copa do Mundo nesse planeta (Vai Brasil!!!), vamos também entrar no clima! Como? Conhecendo um pouquinho mais da Croácia, primeiro rival da nossa seleção no jogo de abertura do mundial (3×1!). E se você está pensando que a Croácia é feita somente de muitas consoantes juntas (viram os sobrenomes do jogadores? Gente, como se fala aquilo? hahaha), está redondamente enganado!

Croácia - Bandeira

Nos últimos anos, o país virou sensação para turistas do mundo todo graças às suas incríveis praias e paisagens naturais, além de cidades históricas muito bem conservadas. Mas o que mais chama atenção dos visitantes mesmo, são as praias. P-a-r-a-d-i-s-í-a-c-a-s. O mar é de um turquesa exuberante, a água é cristalina até não dar mais… Por essas e outras, o verão croata é um dos mais badalados atualmente, pau a pau ali com Ibiza – e apesar de não ser barato, é um pouco mais em conta do que a praia espanhola.

Croácia - Zagreb1

 

E não poderia ser diferente… A Croácia tem cerca de 1.185 ilhas espalhadas pelo mar Adriático. Cruzeiros marítimos povoam o oceano subindo e descendo a costa, pingando de ilha em ilha (que também podem ser visitadas por meio de balsas que ligam umas às outras). Gente, é tanto lugar! Uma mais lindo que o outro!

Aqui eu só vou mostrar 3 dos lugares que mais me chamaram atenção. Um pouquinho de cada coisa. Mas é uma pena poder mostrar tão pouco… Poderia ficar até semana que vem escrevendo sobre as belezas da Croácia! Vamos lá?

__________________

Dubrovnik

Popularmente chamada de “pérola do Adriático”, a cidade é considerada um patrimônio mundial pela UNESCO, tamanha sua grandeza histórica e natural. E o termo “grandeza” só se aplica a isso mesmo, já que a cidade é pequena e pode ser tranquilamente percorrida à pé.

Croácia - Dubrovnik

Dubrovnik é bastante contraditória. Apesar de ser cercada por construções medievais, fortes e uma muralha (que separa o centro histórico, chamado de Cidade Velha), a cidade esbanja juventude, graças às universidades da região e à vida noturna movimentada. Restaurantes, bares e cafés que proporcionam vistas incríveis do mar e do pôr-do-sol são sempre muito movimentados. Lanchas e iates param por ali para curtir o dia.

Croácia - Dubrovnik2

Um dos pontos altos da cidade é o passeio ao Monte Srdj (de novo, muitas consoantes juntas!). A vista lá de cima é arrebatadora: de uma só vez, dá para ver o mar, a Cidade Velha e as montanhas da Herzegovina. O melhor jeito de chegar no topo é pelo teleférico. Pelo caminho dá para ver a cidade sumindo lá embaixo. Ó só:

Croácia - Dubrovnik3

__________________

Ilha Hvar

Apelidada de “Ibiza croata”, já dá para imaginar que, além de belíssimas praias, o lugar é tomado por bares, baladas e festas à beira-mar. É um dos lugares mais ensolarados do país, com mais de 2,7 mil horas de sol por ano. Isso é muito, acredite!  O verão, obviamente, é a estação mais bombada, mas a ilha é bastante procurada também no resto do ano.

Croácia - Hvar1

A praia de Hula Hula é uma das mais famosas de Hvar. Restaurantes e bares super badalados são um convite aos jovens  e turistas e todas as idades. O pôr-do-sol vira um espetáculo à parte e é um dos momentos mais procurados do dia. 

Croácia - Hvar2Apesar de ser muito mais calma, vazia e, por isso mesmo, sem infra-estrutura do que a vizinha Hula Hula, a “Lagoa Azul”, chamada assim pelos locais, é um das mais belas praias da ilha. Só dá para chegar nela por meio de uma trilha a partir da praia de Hula Hula, por isso, que gosta de paz e tranquilidade para apreciar uma vista incrível, a “Lagoa Azul” é a pedida certa!

Croácia - Hvar3__________________

Parque Nacional Lagos de Plitvice

O QUE É ESSE PARQUE? Apesar da Croácia ser conhecida pelas suas várias e lindíssimas praias, o interior do país também abriga paisagens espetaculares.São mais de 296 mil km² (!!) repletos de natureza. 16 lagos, cachoeiras, cavernas, penhascos, montanhas. Claro que também não poderia deixar de ter sido declarado patrimônio da humanidade pela UNESCO.

Croácia - Lagos1Dá para percorrer o parque por meio de diversos caminhos, com intensidades e tempos diferentes. Passarela, pontes, trilhas. Faz-se de um tudo por lá, mas é super seguro e muito bem sinalizado. Também tem restaurantes e cafés lá dentro – e que são, presumidamente, o olho da cara.

Croácia - Lagos2Mas não é só no verão que dá para curtir o parque. A neve do inverno modifica completamente as paisagens verdes e azuis do verão e proporcionam imagens únicas. Dá só uma olhada:

Croácia - Lagos4__________________

Incrível, né? Um país que a gente só houve falar quando se trata de problemas ou guerras e que, no fundo, abriga belezas extraordinárias que a gente nem faz ideia! Que tal programar umas férias por lá, hein? #sonhomeu #quemsabeumdia