Tag Archives: morar fora do país

Quero morar fora do país: preparo psicológico

Continuando com a série de posts sobre morar fora do país, acho que um ponto fundamental e que, muitas vezes, as pessoas esquecem de dar a devida importância, é o preparo psicológico. Vivenciar outra rotina e estilo de vida, mudar de país, falar uma língua diferente, adaptar-se a hábitos e culturas peculiares. Simples ações do dia-a-dia, como abrir uma conta no banco, pegar um ônibus, passar pelo primeiro dia de trabalho ou fazer compras tornam-se grandes desafios! E desafio é a palavra para quem se joga nesse tipo de aventura! Não é à toa que, às vezes, bate um mini desespero e dá vontade de gritar “manhêêêêê!!!” =P

A preparação e o planejamento para esse tipo de viagem é super importante. Ter uma mínima noção do que você precisará enfrentar já vai te preparando psicologicamente e evita (ok, minimiza) que você caia em desespero. Isso ajuda os dias a passarem mais tranquilamente e os desafios a serem encarados com mais naturalidade e humor.

Tá aí, achei! A palavra-chave dessa vez é HUMOR. Quem se aventura mundo a fora vai passar por n situações, sejam elas banais, perigosas, tensas, inusitadas, bizarras, engraçadas, absurdas, horríveis, maravilhosas. Qualquer uma delas tem que ser encarada com uma dose (grande) de humor.Ria de você mesmo, pratique o auto-bullying! No fim de tudo, o que sobram são as histórias para contar 🙂

E a saudade de quem ficou? Essa vai bater mesmo, não tem jeito. Por mais incrível que esteja sendo sua experiência, mais cedo ou mais tarde a saudade aperta e vai dar aquela vontade incontrolável de voltar correndo para casa. Por isso, você deve se preparar antes para esse momento, pois é fato que ele vai chegar. Tenha bem definido na sua cabeça o que o levou a querer viver aquela experiência e atenha-se a esse objetivo sempre que rolar uma bad tripLembre-se que aquilo que você está vivendo é único e você tem que aproveitar o máximo possível, com toda a intensidade! A saudade você mata quando voltar… hehehe

Morar fora do país. Preparo Psicológico

Alie-se à tecnologia. Leve seu smartphone e compre um chip com um plano de internet adequado para você. Use e abuse das redes sociais: envie mensagens de voz regularmente, atualize seu Facebook com as principais novidades, grave vídeos, mande muitas fotos, crie um blog! Conte o que está acontecendo com você e fique por dentro do que se passa com quem ficou também. Dessa forma, a distância fica bem menor. E a saudade também 😉

Quero morar no exterior. A escolha da cidade!

Para quem tem o sonho de morar no exterior e, seguindo com nosso tema do post anterior, acho que o primeiro passo, depois de definido o objetivo da viagem, é escolher que tipo de cidade você pretende morar. E não estou falando somente se vai ser grande ou pequena, se neva ou tem praia. Antes disso, descubra se prefere lugares com características (quaisquer que sejam) semelhantes ao que vive ou algo totalmente oposto. Quem está acostumado aos climas tropicais talvez se adapte mais facilmente ao Havaí do que à Suíça, por exemplo. Mas se o intuito é mudar de vida radicalmente, talvez congelar nos Alpes seja uma boa ideia! rsrs #exageros #nãoprecisadetanto

Morar no exterior

Isso é um ponto importante e que ajuda a eliminar muitas opções! Pense e analise qual estilo de vida você gostaria de ter nesse novo desafio que está por vir. O passo seguinte já é uma questão de pesquisa mesmo. E claro, de sonho. Quem sempre quis morar no exterior deve ter aquela cidade/país específico que faz o coração bater acelerado. E por que não estudar a possibilidade e colocar em prática? Mas tem que ter mente aberta e flexibilidade pois, às vezes, a imagem que fazemos de um lugar não condiz com a realidade. Pro bem e pro mal! Podemos descobrir lugares fantásticos e muito melhores, como também nos decepcionar com aquilo que sonhamos inicialmente. E isso tudo faz parte e torna a viagem mais emocionante ainda 🙂

Também é preciso levar em conta o que você pretende fazer na sua estadia no estrangeiro, como comentamos anteriormente. Pode ser que a cidade desejada não atenda às suas expectativas de emprego ou estudo, por exemplo. E aqui eu repito: FLEXIBILIDADE. Adapte, reveja, comece tudo de novo. Mude seus planos. Ou a cidade. Ou até o país! Mas escolha algo que você tem certeza que te fará feliz #poeta

 

Quero morar no exterior. Por onde começar?

Morar no exterior por um tempo é o sonho de muitos brasileiros. Segurança, qualidade de vida, oportunidade de emprego, novas experiências, mudar de vida. São muitas as razões que levam uma pessoa a querer largar tudo e viver essa aventura por alguns meses (ou anos)!

Mas por onde começar? Como escolher o lugar certo? Quanto custa? Acho que a primeira questão que quem pensa em fazer algo do tipo deve responder é qual o objetivo da viagem. Pode ser ganhar dinheiro, fazer uma faculdade, turbinar o inglês, “turistar”, enfim. Mais um monte de opções! Pense qual é o objetivo dessa sua temporada fora e comece a se organizar para isso.

aviao-decolando

Comece pesquisando sobre os países e cidades que gostaria de morar. Clima, custo, receptividade e oportunidades do local devem ser colocados na balança. Se você é uma pessoa que detesta frio, não vai gostar de viver na Escócia por muito tempo, por exemplo 😉 Escolha umas três ou quatro cidades e pesquise sobre elas: veja fotos, vídeos, depoimentos, participe de grupos de discussão na internet, informe-se! Assim você vai ter material suficiente para entender melhor cada lugar e fazer a escolha que mais combinar com seus objetivos (e couber no seu bolso!).

Descubra como são as oportunidades de empregos, de estudo, se exige visto de trabalho/estudante. Existem várias agências especializadas no assunto, como a CI, STB e Austrália Go. Cada uma tem um foco, então vale conhecer algumas e ver se o que elas oferecem se encaixa com o que você procura.

Como esse é um assunto MUITO longo, vamos quebrá-lo em vários posts para podermos nos aprofundar mais!

Bjos!!