Tag Archives: planejar uma viagem internacional

Por onde começar a planejar uma viagem internacional?

Orçamento definido, tempo de viagem também… só falta o destino! Acho que o item 3 do nosso passo-a-passo do post anterior merece um tópico só para ele, especialmente se o local escolhido for fora do Brasil. Vamos ver por onde começar a planejar uma viagem internacional. Porque, né? Já vimos que exitem diferenças cruciais entre organizar uma viagem nacional e para fora. E não estou falando necessariamente do valor gasto não viu? Dependendo do lugar que você escolher por aqui, o custo pode ser proporcionalmente semelhante se você fosse para fora. Quando fui com minha família de 4 pessoas para a Amazônia por 10 dias (em 2008!), gastamos cerca de R$10.000,00 no total… não é mais em conta do que ficar uma semana em Cancun, por exemplo! rsrs

Para uma viagem internacional, a primeira coisa que você deve verificar é se o seu passaporte está em dia e se o país de destino exige visto de entrada. Acredita que meu pai teve que cancelar uma viagem para os EUA 3 dias antes de embarcar porque viu que o visto dele havia vencido? rsrs #cabeção. Atenção especial nesse tópico para quem pretende levar a babá junto, ok? Alguns países dão um visto especial sem grandes dores de cabeça e outros exigem visto de trabalho. É bastante importante verificar isso com antecedência para não passar por nenhum constrangimento, como ter a funcionária deportada ao chegar no destino final… A Marina, do Blog AskMi, contou um pouco mais sobre isso nesse post aqui. Vale a leitura!!

ScreenHunter_19 Dec. 04 12.23

ScreenHunter_20 Dec. 04 12.24

Questões burocráticas resolvidas, o próximo passo é se informar qual a moeda local, a média do câmbio diário e como você pretende levar o seu precioso dinheirinho. É fundamental ter uma segunda ou terceira forma de pagamento QUE FUNCIONE, caso haja algum imprevisto com o meio principal. E não se iluda: problemas acontecem, sim! Não deixe para ver se o cartão de crédito funciona apenas quando chegar no país, ok? Eu mesma tive um problemão com isso na minha última viagem ao Reino Unido em Junho desse ano… Meu dinheiro acabou e meus cartões de crédito e débito não funcionavam. Ou seja, ficamos 3 dias sem grana e tivemos que contar com a caridade alheia! rsrsrs vou fazer um post dedicado só para esse caso! =P

Na minha opinião, a maneira mais prática e em conta é adquirir aqueles cartões pré-pagos de viagem, sabe? Funciona como um cartão de débito, onde você pode fazer compras e retirar dinheiro, mas você carrega com a quantia que desejar antes. No esquema de um Bilhete Único rsrs… Acho bem fácil de usar e, o principal, é mais barato, já que geralmente o imposto é de 0,8%, e não 6,8% como nos cartões de crédito convencionais. Isso dá uma boa diferença no final da viagem, pode ter certeza!

O cartão que usei no UK foi o Multi Moedas Fitta Cash Passport, da Fitta Câmbio. Escolhi esse porque, como iria passear pela Inglaterra/País de Gales/Escócia, que usa Libra, e depois seguiria para a Irlanda, que usa Euro, preferi um cartão só onde eu pudesse carregar quantias separadas para cada moeda. De bandeira Mastercard, não tive problema nenhum em usá-lo em todos os lugares por onde passei, desde comprar os ingressos para a London Eye até uma pasta de dente no mercadinho em Edimburgo. Sacar dinheiro, então, mais fácil ainda! Qualquer caixa eletrônico de qualquer país funcionava normalmente, e eu podia ver o saldo restante em cada moeda. A única coisa que não curti muito foi o fato de não poder inserir dinheiro online. O meu pai, daqui do Brasil, tinha que entrar em contato com o vendedor do cartão e solicitar para que fosse colocada uma quantia x de dinheiro. E o pior: demorava 4 horas ÚTEIS para a grana cair e eu poder usar o cartão… E quando acaba seu dinheiro em uma sexta-feira à tarde? Foi aí que tivemos nosso problema financeiro na viagem! Não sei se as outras empresas do ramo funcionam dessa forma também, mas acho que vale pesquisar bem sobre esse ponto da recarga, viu? Ah, outro detalhe… A página do site onde você vê o saldo do seu cartão no site da Fitta é em Flash, e como levamos somente um iPad, não conseguíamos visualizar de lá… Mais um ponto de atenção!

Além disso, é imprescindível levar cartões de crédito e débito do seu banco daqui, como backup. Só não esqueça de avisar seu banco para desbloquear seu cartão para transações internacionais, ou ele será bloqueado quando você precisar usá-lo. Eu fiz o desbloqueio apenas pelo site do Itaú mas não funcionou… Na próxima, vou ligar direto na agência mesmo!

E não pode faltar o bom e velho dinheiro físico! Por mais que você tenha mil cartões, é essencial sair com uma quantia razoável de dinheiro na carteira para qualquer eventualidade, ok? A ideia não é ser neurótico não, mas precavido!