Tag Archives: serra negra

Como foi o fim de semana no Vale do Sol

E depois de um trânsito delícia pra sair de São Paulo, de um GPS doido que jogou a gente em uns lugares fora do planeta Terra e de dois celulares sem bateria (e, consequentemente, sem Waze), chegamos em Serra Negra! uhu!!

Achar o Vale do Sol é a coisa mais simples do mundo, porque assim que você entra na cidade já tem várias placas sinalizando a direção. Fizemos o check-in e, ao entrar no nosso quarto, nos deparamos com um local amplo, chão e móveis de madeira, super limpinho e aconchegante. Bem carinha de fazenda, mesmo, sabe? A vontade de se enfiar debaixo das cobertas naquele friozinho leve que estava fazendo era grande, mas a fome falava mais alto e fomos procurar o restaurante para aproveitar o jantar. Eita comidinha deliciosa! Super caseira, várias opções de saladas, sopinhas e caldos quentes, sobremesas. Era o que faltava para coroar a noite!

Mas a melhor surpresa veio no dia seguinte. Saímos do quarto de manhã para ir tomar café e demos de cara com uma vista de tirar o fôlego: sol, céu azul e a Serra da Mantiqueira se estendendo bem a nossa frente, imensa. Uau! Que paz, que tranquilidade! Queria ficar lá o resto do dia, só admirando a paisagem… Mas o dia estava tão bonito que optamos por dar uma caminhada para conhecer as dependências do hotel e, de quebra, praticar um exercício físico #projetoverão2020.

O hotel

Piscinas

O restaurante

Lá realmente tem bastante coisa pra fazer, e conseguimos aproveitar o fim de semana do jeitinho que queríamos: caminhamos, tomamos sol, relaxamos na piscina, descansamos, conversamos muito e comemos mais ainda! Além disso, sou só elogios para o Vale do Sol: comida caprichada e variada, a infra-estrutura excelente, atendimento acolhedor. Não tenho nada a reclamar, de verdade! Foi, sem dúvida nenhuma, a escolha perfeita, que se encaixava com o momento. E como fez bem, afe! Na segunda-feira éramos outras pessoas. Renovadas. Mais leves. Mais felizes. É impressionante como esse tipo de escapada e um pouco de loucurinha faz diferença na vida, né não?

Viajar, para qualquer lugar que seja e pelo tempo que for, areja a mente, distrai a cabeça, renova as energias. Pode ser um simples bate-e-volta para a praia, um fim de semana nas montanhas ou um mês na Europa. Não importa. O que vale é ir. Tem mil possibilidades para todos os gostos e bolsos. É só se jogar!

Fui!

Hotel Fazenda em Serra Negra – delícia!

 

Hotel Fazenda Vale do Sol

Decidimos que queríamos viajar para algum lugar diferente no próximo final de semana. Nada muito elaborado (e nem caro!), mas com um “quê” especial. Um local onde pudéssemos curtir, descansar e aproveitar a companhia um do outro. Sem pressa. Sem nada muito planejado. Sem obrigações ou atividades mil. Pode fazer o que der na cabeça, sabe?

As opções eram infinitas, não havíamos pensado em nada… Mas acho que o fato de ser Agosto deu aquela vontadezinha de ir para o campo, no alto das montanhas, pegar um friozinho e observar uma bela paisagem. Concluí que o que precisávamos mesmo para aqueles dois dias que se aproximavam era de um hotel fazenda. Parecia o encaixe perfeito com o que estávamos buscando! E então, comecei minhas buscas.

Encontrei várias opções, dos baratinhos aos mais caros, dos rústicos aos luxuosos. Até com campo de golfe tinha! Mas nenhum deles deu aquele “clique”, sabe? Nada me chamou tanta atenção. Eis que, depois de algum tempo, dei de cara com o Hotel Fazenda Vale do Sol. Localizado em Serra Negra, ficava a cerca de 3 ou 4 horas de São Paulo. Perfeito! Longe o suficiente da cidade grande, mas fácil e rápido de chegar. O preço? Bem compatível com o que estávamos dispostos a gastar 😉

Pelo site me pareceu tudo muito bem cuidado e com uma excelente infra-estrutura. As fotos mostravam chalés com carinha de fazenda, daqueles que você olha e já se imagina enrolado debaixo das cobertas curtindo um friozinho delícia. Fora a vista, né? Montanhas para tudo quanto é lado, uma overdose de verde.

Atividades também não faltariam. Piscinas (frias e aquecidas), lago para pesca, cavalos, pista de cooper, tabuleiro de xadrez gigante (rsrs). Café da manhã, almoço e jantar inclusos – e à vontade. #praticidades #comercomosenãohouvesseamanhã

Não tínhamos mais dúvidas de que aquele era o hotel fazenda perfeito para o fim de semana que estávamos buscando. Pelo telefone mesmo tirei algumas dúvidas e fizemos a reserva. Simples assim.

Serra Negra, nos aguarde!

Bjos,

UPDATE: clique aqui para ver como foi o fim de semana!